Research article: Um Like à Intergeracionalidade: Estratégias Participativas de Inclusão Social

  • Ana Filipa Soledade Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS), Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria), 2411-901 Leiria, Portugal
  • Célia Rodrigues Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS), Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria), 2411-901 Leiria, Portugal
  • Joana Ervilha Liga Social E Cultural Campos Do Lis, 2415-335 Leiria, Portugal
Palavras-chave: Territorialização, Inclusão, Cidadania, Participação, Intergeracionalidade

Resumo

O Like Saúde - Programa de Prevenção em Comportamentos Aditivos e Dependências (CAD), inserido no Projeto Educativo Municipal (PEM), de base territorial, é um programa dirigido a todas as escolas do concelho de Leiria, com a participação de toda a comunidade educativa e envolvimento da comunidade local. O Kit Pedagógico “Despir os Preconceitos, Vestir a Inclusão” é um recurso pedagógico do Programa, desenvolvido em parceria com a Rede Europeia Anti-Pobreza (EAPN – Núcleo Distrital de Leiria), com o objetivo de promover a inclusão social. Sendo a escola um meio privilegiado de aprendizagem formal, não formal e informal, pretende-se envolver os vários atores-chave neste trabalho em rede abordando as temáticas: Intergeracionalidade; Comportamentos Aditivos e Dependências; Interculturalidade e Igualdade Género. Apresentaremos, neste artigo, a construção do referido Kit, na temática da Intergeracionalidade e transversalmente a sua importância na educação para a cidadania enquanto atitude e comportamento, um modo de estar em sociedade que tem como referência os direitos humanos, nomeadamente os valores da igualdade, da democracia e da justiça social (DGE, 2017).

Biografias Autor

Ana Filipa Soledade, Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS), Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria), 2411-901 Leiria, Portugal

Docente da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS), Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria); membro do Centro de Respostas Integradas (CRI), Administração Regional de Saúde do Centro I. P., Leiria, e  da Rede Europeia Anti-Pobreza (EAPN Portugal), Núcleo Distrital de Leiria, Portugal

 

Célia Rodrigues, Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS), Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria), 2411-901 Leiria, Portugal

Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS), Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria) e Câmara Municipal de Leiria, Largo da República, leiria, Portugal

Referências

Both, A. (1999). Gerontologia: educação e longevidade. Passo Fundo: Imperial.
DGE (2017). Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania (ENEC). Lisboa: Ministério da Educação, Portugal.
Gonçalves, E. (2015). A Escola e a Família, uma parceria ou uma simples aproximação? Uma análise comparada de políticas, estratégias, práticas e resultados. Tese de doutoramento em Sociologia. Lisboa: ISCTE-IUL.
Guerra, I. (2001). Conferência Espaços de Educação, Tempos e Formação - comentário à mesa redonda: Espaço da organização escolar. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian.
Magalhães, D. (2000). Envelhecer com cidadania: quem sabe um dia? Intergeracionalidade e cidadania. Rio de Janeiro: CBCISS-ANG/RJ
Morel, A., Boulanger, M., Hervé, F. & Tonnelet, G. (2001). Prevenção das toxicomanias. Lisboa: Climepsi.
OMS (2005). Envelhecimento Ativo: uma Política de Saúde. Brasília: OMS - Organização Pan-Americana de Saúde.
Pinto, T.A., Hatton-Yeo, A., Marreel, I., Waser, M., Limacher, A., Duaigües, M., LaFond, M., Clarke, G., Di Pietro, D. & Schmolling, J. (2009). Guia de ideias para planear e implementar projetos intergeracionais juntos: ontem, hoje e amanhã. Lisboa: Ed. Teresa Almeida Pinto- Associação Valorização Intergeracional e Desenvolvimento Activo, Portugal
Rodrigues, M. (2012). Actividades Intergeracionais – O impacto das actividades intergeracionais no desempenho cognitivo dos idosos. Tese II Ciclo de Estudos em Gerontologia Social Aplicada. Braga: Universidade Católica Portuguesa.
SICAD (2013). Plano Nacional para a Redução dos Comportamentos Aditivos e das Dependências 2013-2020. Lisboa: SICAD.
Silveira, T.M. (2002). Convívio de gerações: ampliando possibilidades. Textos sobre Envelhecimento 4(8). Rio de Janeiro: UERJ.
Soledade, A.F. & Henriques, S. (2011). Eu e os Outros – Avaliação de um Recurso Educativo Digital. In Pereira, S. (Org.) Congresso Nacional Literacia, Media e Cidadania, Braga: Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho.
Teiga, S. (2012). As relações Intergeracionais e as sociedades Envelhecidas. Dissertação de Mestrado em Educação Social e Intervenção Comunitária. Lisboa: Escola Superior de Educação, Instituto Politécnico de Lisboa.
Publicado
2018-12-30
Secção
Conferência Perspectivas, Projetos e Intervenções sobre o Envelhecimento