Atenção às condições crónicas de saúde na Região centro de Portugal: Trajetórias de saúde dos utentes

  • Marta Costa ESSLei, IPLeiria
  • Ana Santos ESSLei, IPLeiria
  • Beatriz Mendonça ESSLei, IPLeiria
  • Daniela Francisco ESSLei, IPLeiria

Resumo

As doenças crónicas afetam os indivíduos em várias dimensões da vida, fazendo dos cuidados de saúde um fator importante no controlo da sintomatologia da doença e do sofrimento a ela associado. O aumento da esperança média de vida e prevalência das doenças crónicas indica que cada vez são mais as pessoas que vivem nestas condições, desconhecendo-se os seus percursos de procura de cuidados de saúde. 
O objetivo deste estudo é conhecer as trajetórias de saúde dos portadores de doença crónica na região centro através da identificação dessa mesma condição, caracterização da sua influência no quotidiano e identificação dos recursos de saúde existentes e utilizados na comunidade. 
Pretendemos conjugar uma abordagem quantitativa para investigar o perfil epidemiológico com uma abordagem qualitativa, através do recurso a entrevistas semiestruturadas, que fornecerão os dados necessários para entender e traçar as trajetórias de saúde. O estudo será realizado em utentes com condições crónicas abrangidos pela Administração Regional de Saúde do Centro, maiores de 18 anos, que falem português e acedam participar no estudo através de uma entrevista gravada, usando uma amostragem não probabilística intencional do tipo “bola de neve”. 
Para o tratamento de dados recorreremos a estatística descritiva com recurso ao SPSS para obter medidas de tendência central e de dispersão e utilizaremos a técnica de análise de conteúdo segundo Bardin (codificação e categorização), recorrendo ao Microsoft Word para transcrição das entrevistas. 
Publicado
2015-11-20
Secção
Resumos: Conferência ENNIS & IMNRH